Primeiros passos com a Orange One

Orange One board

Parabéns pela aquisição da sua Orange One v1.0, uma das melhores plataformas de desenvolvimento do mercado, e neste tutorial iremos te auxiliar  na instalação dos programas e drivers necessários para a utilização da sua placa Orange One.

Para que possa iniciar a utilização da plataforma, é necessário cumprir dois requisitos, primeiro você deve ter a IDE do Arduíno instalada em seu computador, depois disso você deve baixar e instalar o Driver USB da sua placa Orange One em seu computador, para que a placa seja reconhecida pelo sistema operacional, o procedimento de instalação destes componentes serão abordados a seguir.

 Conteúdo:

  1. Download do arquivo de instalação da IDE.
  2. Instalação IDE Arduíno.
  3. Download e instalação do driver USB.

Então vamos começar instalando a IDE do Arduíno em seu computador, se você já possui essa IDE instalada pule direto para o passo 3.

1. Download do arquivo de Instalação da IDE.       

Primeiro baixe o arquivo de instalação acessando este link: Download IDE Arduíno.

Acesse a página e clique no link respectivo a versão do seu sistema operacional, neste tutorial utilizaremos o link e realizaremos a instalação com base no sistema operacional Windows, esse arquivo funciona para qualquer versão igual ou superior ao XP.

 

2.  Instalação da IDE Arduíno.  

Após o download do arquivo de instalação, abra-o clicando duas vezes sobre ele.

Irá abrir uma janela com o assistente de instalação da IDE, a primeira tela cotem o contrato de licença clique em I Agree para prosseguir com o processo de instalação. 

 

Após aceitação dos termos de licença você terá que selecionar os componentes do Arduíno a serem instalados em sua máquina, também não iremos mudar nada por aqui, então continue com o processo de instalação clicando em Next >.   

 

Clique em Install para iniciar a instalação. 

 

Após o termino da instalação clique em close e pronto você já tem a IDE instalada em seu computador, agora falta pouco para você poder utilizar a sua placa Orange One.          

 

3. Download e instalação do Driver. 

Após a realização da instalação da IDE iremos realizar a instalação do driver USB da sua placa, este driver é necessário para que o sistema operacional reconheça a placa Orange One na porta USB, se você possui um sistema operacional Linux, Mac OS ou windows 10, pode ser que este driver já tenha vindo instalado, mas se você possui outro sistema operacional ou versões anteriores do Windows provavelmente este driver não está instalado em sua máquina.

Antes de começar o processo de instalação é interessante verificar se este driver já esta instalado em seu computador. Para isto plugue sua placa em uma das portas USB do seu computador e vá em Painel de controle > Sistema e abra o Gerenciador de Dispositivos, caso o driver já esteja instalado em seu computador, ele aparecerá no gerenciador de dispositivos como na imagem abaixo, caso ele não esteja instalado, ele irá mostrar um ponto de interrogação.

 

Para o caso do driver não estar instalado em seu computador, faça o download do driver neste link: Download Driver FTDI USB. 

Este link te direciona para o site do fabricante do CHIP que faz a interface USB da plataforma, para baixar o driver clique no link do instalador considerando a versão do seu sistema operacional , neste tutorial abordaremos o procedimento de instalação no sistema operacional Windows e para isso executaremos o download clicando no link ilustrado na figura abaixo.

 

Após o download extraia o arquivo baixado para um local onde possa ser encontrado com facilidade, clique com o botão direito do mouse sobre o arquivo extraído e depois clique em executar como administrador para iniciar o Setup, execute o processo de instalação com a utilização da janela de assistente que irá abrir.

Depois de instalar o driver sua plataforma será reconhecida normalmente pela IDE do Arduíno e pronto! agora você já pode começar a programar sua plataforma.      

3 thoughts on “Primeiros passos com a Orange One

    • fernandes marques says:

      Olá, sim, você pode carregar o bootloader do Arduíno em outro microcontrolador ATMEGA328P-PU, em breve lançaremos um tutorial explicando este processo passo a passo.

  1. JairoOgnib says:

    O legal de ter um Arduino Standalone, é que você não precisa ficar , desmontando teu projeto, toda vez que resolve, mudar os dados ou criar alguma coisa excedente, basta fazer a programação, ideal ao projeto, (Mesmo que tenha de mudar alguma coisa na programação, é só remover o microcontrolador ATMEGA328P, levar para uma placa de teste, com o encaixe do mesmo e retornar para a placa do projeto), e finalizar e ficar curtindo, toda vez que resolver utilizar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *